Como funciona a técnica do sutiã interno?


O sutiã-interno, trata-se de uma técnica de reforço à sustentação do sulco mamário, que pode ser empregada numa Mamoplastia com prótese, onde é feita a fixação do sulco mamário com fio farpado (ou ainda fio de náilon em múltiplas camadas) que proporciona firmeza a parte inferior da mama. Uma alternativa é o uso de uma pequena tela sintética nessa área, segundo alguns autores.

Após inclusão de implantes de silicone, os sulcos mamários são submetidos a forças do músculo peitoral e ao peso da prótese. A evolução depende de múltiplos fatores, alguns deles dependentes da qualidade da pele da mulher. É comum que com o tempo algumas se queixem de alteração do formato da mama, com perda da sustentação no polo inferior (dando aspecto de mamas juntas demais) ou lateral das mamas.

A tela é colocada no polo inferior da mama, próxima ao sulco e parte dela é absorvida pelo organismo após um determinado tempo. Na maior parte das vezes, porém, usamos apenas fios (farpado ou náilon) que promove maior fixação do sulco mamário à parede torácica.

Essa técnica muito eficiente, é destinada para reduzir o efeito que a gravidade possui sobre os seios. Mulheres com flacidez da mama ocasionada como resultado de gravidez, perda do colágeno da pele da mama, perda de peso ou processo de envelhecimento natural podem se beneficiar com essa técnica cirúrgica para sustentação.