O que a redução de mama pode solucionar?


A cirurgia de redução de mama é ideal para quem convive com as dificuldades de ter seios grandes demais. Também conhecida como mamoplastia de redução ou redutora, o procedimento proporciona resultados excelentes.


E, vale lembrar que não estamos falando apenas de questões estéticas. A cirurgia de mamoplastia possibilita o alívio de vários incômodos provocados pelo excesso de volume nas mamas, como:


  • Dores nas costas e no pescoço.

  • Sutiãs marcando e com as alças irritando a pele.

  • Alterações no sono.

  • Lesões, como irritações cutâneas e infecções causadas por fungos nas dobras abaixo das mamas.


O impacto positivo na qualidade de vida de quem realiza o procedimento é enorme. Pois, além do que mencionamos acima, a redução mamária também eleva a nossa autoestima. O resultado é uma mulher empoderada, segura de si e muito mais feliz!


Esteticamente, ao realizar a redução da mama, os seios ficam mais firmes e elevados, ou seja, com uma aparência mais jovem.


No caso de quem tem assimetria acentuada, a cirurgia deixa os seios mais proporcionais e em equilíbrio com a estética corporal.

Técnicas da Cirurgia de Redução de Mama

A técnica de Mamoplastia Redutora varia de acordo com o biotipo e os desejos de cada paciente. Por isso, é fundamental passar em consulta com um Cirurgião Plástico Especializado e muito Experiente. Ele leva em consideração questões como:


  • Tamanho

  • Formato

  • Quantidade de tecido a ser removido

  • Cicatriz

  • Necessidade de aleitamento futuro


Na análise presencial, o médico faz um exame físico para avaliar a pele e também entender a expectativa de resultado que a paciente busca. Algumas trazem fotos de referência ou falam o número de sutiã que almejam.


Mas é importante lembrar que número de sutiã não está relacionado ao tamanho dos seios e, sim, das costas. A medida da taça – A, B, C, D ou DD – que faz referência ao volume mamário.


Tendo em vista essas informações e o exame físico, o cirurgião faz algumas marcações para planejar o procedimento. A partir disso, ele define a incisão, que pode ser feita em formato de T Invertido, Vertical e Enxerto Livre de Mamilo.


Essas são as técnicas habituais, mas há também a Incisão Periareolar, que é feita ao redor da aréola. Apesar de menos invasiva e com cicatriz mais discreta, esse tipo é limitado às mulheres com pouquíssima flacidez de pele. Por isso, seu uso é raro numa cirurgia para redução de mama.


Fonte: Plástica do Sonho

© Copyright 2016.

Todos os direitos reservados.

Dr. André Reda Cirurgia Plástica

CRM - SP 102.016

ACOMPANHE
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

São José do Rio Preto, SP

Rua Amadeu Segundo Cherubini, 379 ​ | São Manoel

Tel:  (17) 3121-7074 - WhatsApp: (17) 99146-7762

Mirassol, SP

Av. Eliezer Magalhães, 2.809

Tel:  (17) 3242-2811

Desenvolvido         Novva Comunicação